Expediente e prazos suspensos em subseções da JFRS atingidas pela chuva

19 de outubro de 2017

Devido às fortes chuvas ocorridas desde a tarde de ontem (18/10), diversas subseções do interior do RS estão com dificuldades no fornecimento de energia  elétrica, o que implica em problemas no acesso aos sistemas eletrônicos judiciais e administrativos. Com isso, não haverá expediente externo nas sedes de Santa Maria, São Borja, Itaqui, Cruz Alta e Alegrete. Também serão reagendadas audiências e perícias previstas para acontecer nestas localidades no dia de hoje.

No caso específico da Subseção Judiciária de Santiago, somente estão sendo completadas as ligações de telefone fixo para telefone fixo. Em caso de urgência, o contato pode ser realizado com o número (55) 3249.7215.

A Portaria nº 1550/17 determina a suspensão do expediente externo, do atendimento ao público e a fluência dos prazos processuais nas UAAs de Alegrete e Itaqui por prazo de um dia, a partir do dia 19 de outubro de 2017.

A Portaria nº 1551/17 suspende os prazos processuais na área de abrangência da Subseção de Cruz Alta no dia 19 de outubro de 2017

A Portaria nº 03/17 suspende os prazos processuais na área de abrangência da Subseção de Santa Maria no dia 19 de outubro de 2017

Informações sobre eventual suspensão de prazo serão fornecidas ao longo do dia.

Veja mais Notícias

Operação Mendax: JFRS condena três homens por fraude na Previdência

18 de junho de 2018
A 3ª Vara Federal de Santa Maria condenou três homens por estelionato e falsificação de documento público no âmbito da Operação Mendax. Eles foram acusados de inserir

JFRS: mutirão de conciliação em condomínio na Restinga termina com 189 acordos

16 de junho de 2018
Terminou com 189 acordos o mutirão de conciliação realizado hoje (16/6), pela Justiça Federal de Porto Alegre (RS), em um condomínio do Bairro Restinga. Em menos de duas

Minha Casa Minha Vida: Justiça Federal realiza audiências públicas em condomínios de Porto Alegre

15 de junho de 2018
A Justiça Federal em Porto Alegre (RS) promove, amanhã (16/6), duas audiências públicas para informar os moradores de 840 imóveis do Programa Minha Casa Minha Vida os termos