Notícias

JF Lajeado (RS): acusado de tentar matar policial rodoviário federal é condenado pelo Tribunal do Júri

9 de outubro de 2018 - 19:23

O Tribunal do Júri condenou, na quinta-feira (4/10), um homem acusado de tentativa de homicídio contra um policial rodoviário federal. A sentença proferida pela juíza Ana Paula Martini Tremarin Wedy, da 1ª Vara Federal de Lajeado, estipulou a pena de mais de 13 anos de reclusão para o réu.

O Ministério Público Federal (MPF) ingressou com ação narrando que o denunciado, em maio de 2017, na BR-38/6, teria lançado deliberadamente o veículo que conduzia contra a viatura policial, o que provocou lesões de natureza grave e gravíssima no agente. O homem estava transportando mais de 250 kg de maconha e dirigia automóvel furtado, além de utilizar aparelho de telecomunicação sem autorização legal.

A denúncia foi recebida em outubro do ano passado. O indiciado passou a responder pelos crimes de homicídio tentando, tráfico e associação para tráfico, utilização de aparelho de telecomunicação sem autorização, receptação e dano qualificado.

Na sessão de julgamento, foram ouvidos o depoimento da vítima e de quatro testemunhas arroladas pela acusação, além do interrogatório do réu. Ao final dos trabalhos, o Tribunal do Júri entendeu que ficaram comprovadas a materialidade e autoria das práticas delitivas, com exceção do crime de desobediência.

A magistrada acolheu a decisão do conselho de sentença e condenou o réu a treze anos e onze meses de reclusão em regime fechado e um ano e seis meses de detenção em regime aberto. Ele também deverá reparar os danos causados no veículo policial em valor fixado em R$ 13 mil. A juíza manteve a prisão preventiva, o homem não poderá apelar em liberdade.

[Notícias anteriores]
www2.jfrs.jus.br