JFRS: Valores de penas pecuniárias beneficiam projeto para crianças carentes de Capão da Canoa (RS)

11 de junho de 2018

A 1ª Vara Federal de Capão da Canoa homologou o repasse de quase R$7 mil ao projeto pedagógico “Ensina-me a Sonhar”, que atua prestando assistência a crianças e adolescentes do município em situação de vulnerabilidade social. O valor destinado é oriundo do pagamento de penas pecuniárias e de contribuições para manutenção da suspensão condicional de processos judiciais.

A verba foi utilizada na compra de dois computadores e uma impressora. Segundo o Centro de Proteção à Criança e ao Adolescente em Risco, entidade responsável pela iniciativa, o objetivo do projeto é usar a informática como um instrumento pedagógico para melhorar a aprendizagem dos jovens. Os novos materiais vão beneficiar as 30 crianças e adolescentes atendidos pela instituição.

Penas pecuniárias: como participar?

O cadastramento de entidades interessadas é realizado por meio de edital, que costuma ser publicado uma vez ao ano pelas varas federais responsáveis pela execução penal. Podem se candidatar as entidades públicas e privadas reconhecidamente de assistência social ou educacional e sem fins lucrativos. Para receber as verbas, as instituições têm que elaborar projetos e enviar as suas propostas à Justiça Federal. A destinação de recursos ocorre anualmente e é acompanhada pelo Ministério Público Federal.

Veja mais Notícias

TRF4: eproc é o sistema eletrônico preferido do Judiciário Federal, aponta pesquisa do CJF

22 de junho de 2018
O eproc- processo eletrônico desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4)- é o sistema judicial preferido por 78,3% dos usuários do Judiciário Federal. O

Homem flagrado transportando meia tonelada de maconha é condenado pela JF Rio Grande (RS)

20 de junho de 2018
A 2ª Vara Federal de Rio Grande condenou um homem a 11 anos e dez meses de prisão por tráfico internacional de drogas. Ele foi flagrado tentando sair do Brasil com mais de meia

Entidades se reúnem na Justiça Federal do RS para conhecer alternativas de conciliação em meio eletrônico

20 de junho de 2018
  A conciliação em meio eletrônico foi tema de encontro que aconteceu na manhã de hoje (20/6), na sede da Justiça Federal em Porto Alegre. Advocacia-geral da União (AGU),