Notícias

Justiça Federal condena homem acusado de roubo a agências dos Correios em Porto Alegre

5 de julho de 2018 - 16:09

A 22ª Vara Federal de Porto Alegre condenou a oito anos de reclusão um homem acusado de praticar roubos a agências dos Correios na capital. A sentença foi publicada na segunda-feira (2/7).

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), os crimes ocorreram num intervalo de 50 dias, entre agosto e setembro de 2017, e causaram um prejuízo de cerca de R$ 45 mil à empresa pública. O homem roubou oito agências, sendo uma delas no município de Viamão e as demais na capital gaúcha.

De acordo com a denúncia, o modus operandi utilizado pelo homem foi semelhante em todos as ocorrências. Ele ingressava armado nas agências e, após aguardar alguns minutos, rendia os vigilantes e anunciava os assaltos. O réu preso pela Polícia Federal em sua residência, local em que foi apreendido o revólver utilizado nos crimes.

O órgão sustentou que, durante o inquérito, o acusado foi identificado pelo circuito interno de segurança dos Correios, além de ter sido reconhecido por diversas testemunhas. Ele admitiu a prática de todas as ocorrências.

A defesa do réu não negou as acusações, mas pleiteou o reconhecimento da continuidade delitiva e a fixação da pena em grau mínimo por ele ser primário. Também pediu a incidência de atenuante em virtude da confissão espontânea.

Após avaliar as provas trazidas ao processo, o juízo decidiu condenar o acusado por entender que ficou devidamente comprovada a autoria e a materialidade dos delitos. A pena fixada na sentença foi de oito anos de reclusão em regime semiaberto e pagamento de multa. Cabe recurso contra a decisão ao TRF4.

[Notícias anteriores]
www2.jfrs.jus.br