Este Portal utiliza a tecnologia de cookies para melhorar sua experiência de navegação.

Para maiores informações, acesse nossa página de Política de Privacidade.

Caso Becker

Credenciamento dos veículos de imprensa para o Tribunal do Júri

2 de agosto de 2022 - 16:17
fachada Prédio-sede da Justiça Federal gaúcha

A Justiça Federal em Porto Alegre informa que os jornalistas interessados em acompanhar a Sessão do Tribunal do Júri do caso Becker deverão fazer credenciamento prévio até o dia 5/8. Na referida sessão, que inicia 15/8, às 9h, e tem previsão de durar entre quatro e cinco dias, será julgada a ação penal que trata do homicídio do médico Marco Antônio Becker, gestor do CREMERS à época do crime.

Apesar de a sessão de julgamento ser pública, em função das limitações de espaço físico e por questões de segurança, o acesso será limitado. Estão reservadas 15 vagas para profissionais dos veículos de imprensa assistirem presencialmente a sessão, e o acesso de fotógrafos e cinegrafistas será permitido em alguns momentos.

A JFRS disponibilizará sala de apoio com retransmissão ao vivo no telão, e o julgamento também será transmitido ao vivo pelo canal do JFRS no Youtube.

Credenciamento

O acesso da imprensa será permitido sob as seguintes condições:

• É recomendável o uso de máscara de proteção facial nas dependências do Foro.
• É vedada, sob qualquer hipótese, a captação e o uso de imagens dos jurados.
• Deverá ser respeitada a vontade de depoentes (testemunhas) que não queiram suas imagens divulgadas.
• No auditório, onde estará ocorrendo o júri, estarão reservados 15 lugares para os jornalistas – um por veículo de imprensa credenciado.

• Já na sala de apoio haverá uma televisão com transmissão ao vivo.
• As vagas serão preenchidas por ordem cronológica de inscrição.
• Fotógrafos, cinegrafistas e técnicos não permanecerão no auditório.
• Os registros fotográficos, filmagens e gravação de áudio serão permitidos em três momentos da sessão de julgamento: nos 10 minutos iniciais dos turnos da manhã, da tarde e da noite.
• Quando houver depoimento de réu, o registro está autorizado no início do interrogatório, durante 10 minutos.
• Depois de efetuados os registros de imagens, os Jornalistas poderão permanecer nos assentos reservados à imprensa no auditório. Já cinegrafistas e fotógrafos deixarão o local.
• Será reservado lugar para um repórter por veículo de comunicação credenciado.
• Caso o veículo de comunicação credencie mais de uma equipe, deverá haver rodízio entre os colegas.
• Para ingresso na JFRS, todos deverão portar documento de identificação e crachá da empresa.
• Só terão acesso aos assentos reservados à imprensa os profissionais cadastrados. Será entregue, no dia 15/8, credencial para quem tem acesso ao auditório.
• O Jornalista e respectiva equipe devem enviar seus dados informando nome completo, CPF, e empresa para o e-mail: secos@jfrs.jus.br, até as 17h do dia 5/8.
• É permitida a realização de entrevistas no andar do auditório, desde que não atrapalhem o andamento dos trabalhos no auditório e que seja fora do vestíbulo e auditório.
• Situações imprevistas que eventualmente vierem a ocorrer durante o julgamento ficarão a critério de análise e decisão do magistrado presidente do Júri e da Seção de Comunicação Social da JFRS.

Para cadastro e outras informações, entre em contato pelo e-mail secos@jfrs.jus.br, informando os seguintes dados:

Profissional que irá acompanhar presencialmente a sessão

NOME:
FUNÇÃO:
CPF:

Equipe de apoio

NOME:
FUNÇÃO:
CPF:

Serviço:
Justiça Federal em Porto Alegre
Endereço: Rua Otávio Francisco Caruso da Rocha, nº 600
                 Bairro Praia de Belas – Porto Alegre – RS
                 CEP: 90010-395
Telefone: (51) 3214-9006 – 3214-2136

Tópicos relacionados

Outras notícias

Todas as notícias
Logotipo do laboratorio de inovacao da JFRS Logotipo do memorial da JFRS Logotipo do projeto Portas para o Futuro

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www2.jfrs.jus.br