Notícia

Curso sobre cálculos previdenciários facilita atuação de advogados e traz mais agilidade à tramitação processual

1 de dezembro de 2016 - 17:21
img_0005

Curso teve lotação completa

Encerra amanhã (2/12) o curso presencial sobre cálculos previdenciários promovido pela Justiça Federal do Rio Grande do Sul (JFRS) por meio do seu Núcleo de Cálculos Judiciais (NCJ). Destinada a advogados, a atividade acontece no prédio-sede da instituição em Porto Alegre. De caráter gratuito, a capacitação visa a auxiliar os operadores do Direito em ações que discutem na Justiça benefícios buscados junto ao INSS. Valores, aplicação de juros e cálculo de correção monetária estão entre os tópicos abordados nas aulas que iniciaram na última segunda-feira. Os participantes tiveram acesso, ainda, à utilização dos sistemas Jusprev III e Jusprev V, especialmente elaborados para a automatização desses cálculos, disponibilizados pela JFRS em sua página na internet desde 2004 e atualizados constantemente.
img_0011

Sistema Jusprev é mantido e atualizado pelo Núcleo de Cálculos da JFRS

As 230 vagas disponibilizadas esgotaram-se rapidamente. O servidor Paulo Ricardo da Silveira Costa, que está ministrando as aulas, considera que a difusão do conhecimento ­­proporciona a elaboração de petições iniciais mais claras, com valores corretos. Consequentemente, os processos tramitam mais rapidamente. Por outro lado, quando o advogado aprofunda seus conhecimentos na área, reduz-se a necessidade de envio de processos ao NCJ, bem como o número de impugnações, o que resulta em economia de recursos públicos.
img_0009

Advogados poderão realizar cálculos com maior precisão

A advogada previdenciária Anna Caroline Morlin Portela considera o curso uma ótima iniciativa, especialmente por estar sendo promovido pela própria Justiça Federal. Segundo afirma, mesmo em uma especialização em Direito Previdenciário não existem disciplinas específicas para cálculos. “Minha intenção sempre foi aprender a usar o Jusprev, mas achava muito complexo, agora ficou mais simples”, comenta. Já o advogado Pedro de Aguiar Spadão Marcato, há 3 anos na área previdenciária, relata que está migrando de um sistema pago para o Jusprev, que, além de ser gratuito, está mais atualizado. “Ontem vimos como se calcula o valor da causa, que é uma questão importante, pois cada vez mais os juízes exigem a apresentação do cálculo do valor da causa na petição inicial”, observa. De acordo com o diretor do núcleo responsável pela proposta, Marco Antonio Ochoa, uma nova edição já está sendo planejada para o 1º semestre de 2017. “Os advogados nos procuram muito, e fornecemos explicações detalhadas sobre procedimentos de cálculos, por isso montamos este curso usando estes dois sistemas ”, explica.

Outras notícias

Todas as notícias
Logotipo do projeto Portas para o Futuro

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www2.jfrs.jus.br