Operação Dionísio

Justiça Federal decretou prisão temporária, busca e apreensão em investigação envolvendo contrabando de vinhos e espumantes

28 de agosto de 2020 - 13:24
a foto mostra diversas garrafas de vinho

A 2ª Vara Federal de Santa Maria decretou a prisão temporária dos supostos líderes de um grupo criminoso voltando à prática do contrabando e descaminho de vinhos e espumantes de origem estrangeira. A decisão do juiz Jorge Luiz Ledur Brito, publicada no dia 21/8, também determinou expedição de mandados de busca e apreensão e o sequestro dos bens dos investigados.

As medidas foram cumpridas em ação conjunta da Polícia Federal, Receita Federal e Brigada Militar na operação denominada Dionísio no dia 25/8. De acordo com o magistrado, os elementos já apurados pelas investigações evidenciaram que o grupo, através de uma empresa, realizava vultosas vendas por meio de plataformas eletrônicas de vinhos e espumantes de origem estrangeira sem habilitação para operar com comércio exterior. Os crimes investigados são cometidos em associação criminosa para contrabando/descaminho.

Tópicos relacionados

Outras notícias

Todas as notícias
Logotipo do laboratorio de inovacao da JFRS Logotipo do memorial da JFRS Logotipo do projeto Portas para o Futuro

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www2.jfrs.jus.br