Notícias

Justiça Federal recebe visita de estudantes da Escola Estadual Aldo Locatelli e da Fadergs

25 de outubro de 2016 - 15:48

A Justiça Federal em Porto Alegre (RS) recebeu hoje (25/10) os estudantes da Faculdade de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul (Fadegs) e da Escola Estadual de Ensino Fundamental Aldo Locatelli. Os universitários conheceram a estrutura e as características e o dia-a-dia da instituição, já os alunos do ensino fundamental visitaram a exposição em percurso “Arquivos do Brasil, Memória do Mundo”.

Universitários foram recebidos na frente da Central de Atendimento ao Público

Universitários foram recebidos na frente da Central de Atendimento ao Público

Acompanhados do professor Daniel Alt da Silva, os estudantes do curso de Direito conheceram de perto as instalações e o funcionamento da instituição. Durante a visita, os universitários foram informados a respeito da competência e do funcionamento da Justiça Federal. Eles também foram instruídos sobre os serviços prestados na Central de Atendimento ao Público (CAP) e no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejuscon), cuja estrutura foi totalmente desenvolvida para facilitar o diálogo e a prática da conciliação.

Servidores da 25ª Vara Federal apresentaram processo eletrônico

Servidores da 25ª Vara Federal apresentaram processo eletrônico

A realização de perícias no prédio da subseção de Porto Alegre e a utilização das videoaudiências, especialmente em ações penais, foram outros temas tratados com o grupo. Os participantes também visitaram a 25ª Vara Federal da capital. Servidores que atuam na unidade falaram sobre o dia-a-dia de trabalho em uma vara totalmente informatizada, onde os processos tramitam exclusivamente por meio eletrônico.

Memorial da Justiça Federal também fez parte da visita

Memorial da Justiça Federal também fez parte da visita

A programação incluiu, ainda, o Memorial da JFRS, onde acontecem atividades do evento “Direitos Humanos, Orientação Sexual e Identidade de Gênero: a homossexualidade e as demandas envolvendo a transexualidade na Justiça Federal”. As visitas orientadas na JFRS podem ser agendadas pelo e-mail secos@jfrs.jus.br.

Memória do Mundo

s

Alunos ouvem atentos sobre a importância da guarda de documentos importantes

Os alunos do 4º e 5º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Aldo Locatelli estiveram na sede da instituição, nesta manhã, para conhecer de perto o acervo de documentos históricos reconhecidos pela Unesco. A diretora do Núcleo de Documentação e Memória, Rita Vieira da Rosa, e a supervisora da Seção de Memória Institucional, Cristiane Galvan, realizaram a visita guiada com os estudantes através da exposição “Arquivos do Brasil, Memória do Mundo”.

Imagem da Lei Áurea atraiu curiosidade dos estudantes

Imagem da Lei Áurea atraiu curiosidade dos estudantes

Rita Vieira falou sobre a importância da guarda e da conservação de documentos importantes para que os presentes pudessem entender o significado e a relevância de um arquivo e dos documentos expostos. Além do prédio da Justiça Federal, eles também estiveram nas sedes da Procuradoria Regional da República da 4ª Região (PRR4) e do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

A visita possibilitou que eles observassem documentos referentes à expansão marítima, descobrimento do Brasil, administração colonial, escravidão, movimento abolicionista, imigração, política indigenista, entre outros. Os alunos puderam ver, além dos 45 acervos brasileiros expostos que integram a exposição, os dois processo da Justiça Federal gaúcha que, em 2015, foram selecionados para o programa Memória do Mundo.

Processos reconhecidos como Memória do Mundo

Processos reconhecidos como Memória do Mundo

[Notícias anteriores]
www2.jfrs.jus.br