Notícia

Mutirão na JF Santa Cruz do Sul (RS) termina com 209 acordos em um único dia

4 de julho de 2017 - 16:55
A Justiça Federal em Santa Cruz do Sul (RS) promoveu, no dia 29/6, um mutirão de conciliação envolvendo ações contra a Caixa Econômica Federal. Dos 210 processos pautados, 209 encerraram com acordo, a maior quantidade registrada em um único dia na subseção e uma dos maiores do Estado. As negociações chegaram a quase R$ 380 mil. A iniciativa foi promovida pela 2ª Vara Federal local, em parceria com o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejuscon). Os litígios diziam respeito a pedidos de indenização por danos morais ajuizados por servidores da Prefeitura Municipal de Candelária em razão do bloqueio de seus cartões magnéticos. A restrição foi realizada pela Caixa para evitar o saque da remuneração creditada, equivocadamente, em duplicidade para os servidores. Conduziram as tratativas o juiz federal Ricardo Alessandro Kern e a servidora Alessandra de Souza Kley, coordenador e supervisora do Cejuscon, respectivamente, e Diego Luiz Leal, diretor de Secretaria da 2ª Vara Federal. Além deles, participaram do mutirão Rubem Knijnik Lucion, procurador da Caixa, e os procuradores dos autores das ações. Amplamente utilizada na Justiça Federal gaúcha, a conciliação é um mecanismo oficial e permanente de pacificação e solução de conflitos. Ao colocar as partes lado a lado em busca de um acordo, a prática proporciona agilidade, economia de recursos e maior satisfação com o resultado final.

Outras notícias

Todas as notícias
Logotipo do projeto Portas para o Futuro

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www2.jfrs.jus.br