Programação sobre saúde leva acervo da Santa Casa ao Espaço Expositivo da JFRS

O Núcleo de Documentação e Memória da Justiça Federal do RS (JFRS) inicia amanhã (17/11) mais uma etapa do evento Direitos Humanos: uma questão de Justiça”. Com foco no direito à Saúde, a atividade levará ao Espaço Expositivo da instituição parte do acervo do Centro Histórico Cultural da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. A mostra é aberta ao público e acontece de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, na sede da JFRS (Rua Otávio Francisco Caruso da Rocha, 600 – 9º andar / ala Oeste).

Com curadoria de Amanda Eltz e Kimberly Terrany, a exposição Retratos da Santa Casa de Misericórida de Porto Alegre tem a intenção de comunicar a conquista do direito universal à saúde a partir da criação do Sistema Único de Saúde (SUS) e do acesso a ações e serviços relacionados. Até 8 de março de 2018, serão apresentados fragmentos documentais – textos, fotografias e xilogravuras, entre outros – do hospital mais antigo do Estado. O acervo é preservado pelo Museu Joaquim Francisco do Livramento, um dos espaços do Centro Histórico Cultural Santa Casa.

Serviço: Direito à Saúde – Retratos da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre

Período: 17/11/17 a 8/3/18, de segunda a sexta-feira, das 11h às 18h

Local: Espaço Expositivo da JFRS (Rua Otávio Francisco Caruso da Rocha, 600 – 9º andar / ala Oeste)

Fotografia de uma incubadora antiga, em ferro, coberta com vidro, ao lado de um manequim vestido com um uniforme de enfermeira e um berço em ferro

Incubadora usada no tratamento de bebês prematuros está entre os itens expostos

Fotografia de uma balança de ferro, uma cadeira em ferro e um quadro onde estão afixados diversos instrumentos cirúrgicos

Equipamentos ajudam a recontar história da Santa Casa

Veja mais Notícias

Fazenda do RS é proibida de dissecar animais para dar aulas de anatomia

Um dos passeios oferecidos a alunos de 6ª a 8ª séries era a uma fazenda onde animais eram dissecados e usados em aulas de anatomia. A Justiça Federal acabou com essa prática.

Justiça Federal em Santa Maria (RS) condena paraguaio preso com mais de 100kg de cocaína

A 2ª Vara Federal de Santa Maria condenou um paraguaio por tráfico internacional de drogas. Ele foi preso com mais de 100kg de cocaína enquanto trafegava pela BR-158 no

Justiça Federal do RS condena Corinthians, construtora Odebrecht, Arena Itaquera e ex-presidente da Caixa a devolver R$400 milhões

Um repasse milionário de dinheiro público, captado por uma empresa privada especialmente criada para este fim e com capital social no valor de R$ 1 mil, embasado em garantias